sábado, 31 de julho de 2010

Céu de todos

Imagem do Google

Céu de todo azul
Estende seu manto cobrindo o dia
Céu da boca da noite
De Lua cheia
Fantasias das paixões
Céu de arco-íris, tiara multicor
Céu pontilhado em rosário de estrelas
Rajadas nuvens cor de rosa amor


Morada dos astros, céu dos navegantes
De chuvas de prata, dos raios de sol...
No rosto do céu
Barbas brancas contam histórias
Sussurros ao sopé das montanhas
Solfejos

Uma canção anuncia a hora do Ângelus
E um festival de brilhos desponta
Ponto a ponto , fontes de luz
Ciranda dos anjos


Graça Campos, 21/04/2010.

segunda-feira, 26 de julho de 2010

As avós

Homenagem às minhas queridas avós, Maria Cândida e Maria Antônia,
Mulheres lindas, guerreiras, carinhosas avós...
Parabéns às vovós queridas!


 

Árvores mais velhas, frondosas
Que mais florescem
Delas se colheram frutos
Elas dão sombra
Carinhosas
São remédio caseiro, improvisados
Bálsamos

Nas avós moram corujas sábias
Arranjam suas casas
Grande coração da árvore

Avós são itinerantes
As mais velhas jovens
As mais jovens velhas
Têm tempero
Tecem idéias
Veneráveis senhoras sugerem...

Saudades do doce da avó
Saudades dos seus guardados
Das gavetas perfumadas
Caixinhas de sabonetes
Alma de Flores

Saudades de sua estante-dicionário ambulante
De suas indicações “ Histórias e lendas”
Compêndios
Contos dos Irmãos Grimm e de Santa Genoveva

No meu aniversário, primeira neta e afilhada
Delicados brincos de rubi
Combinando com anelzinho
Pulseiras de plaquinha com nome gravado
E tantos outros...

Saudades do gosto de sua cozinha
Tutu de feijão
Se não comesse, fazia capitão
Canjiquinha
Frango ao molho pardo
E muita batatinha
Redondinha, cozida.
Docinhos de frutas tingidos de toda cor
Fruta colhida no pomar mais próximo
Gratinados da doçura do olhar da vovó
E da mesma cor daquele "par turmalina"
Que via longe, longe...

E a vida passou...
As avós, não!

Antônia e Cândida
Sábias corujas
Grandes Árvores
Que fazem a vida perpetuar...


Graça Campos

Homenagem às minhas queridas avós, Maria Cândida e Maria Antônia
Mulheres lindas, guerreiras e carinhosas vovós.

Sesc Laces JK- Exposição Pintura Desenho e Poesia

Exposição Aspectos Urbanos Oitava mostra IARA ABREU
Pinturas, desenhos e poesias de centenas de poetas que têm seus poemas gentilmente ilustrados pela artista.

Local: SESC LACES-JK- Rua dos Caetés, 603 / 3º andar, Centro, em Belo Horizonte, MG de Segunda a sábado de 9:00 h às 20 h. até 15/08/2010.

A artista expositora Iara Abreu
e Graça Campos poetisa participante





quarta-feira, 21 de julho de 2010

Re/Invenções




RE/INVENÇÕES

Inventam-se cápsulas contra a fome e a miséria
Inventa-se a fórmula determinante da paz
Remodelam-se as silhuetas da superação do BEM...

Graça Campos, 21/07/2010.

Pecadora

Imagem do Google


Eva pecou
Eu pequei
E vou continuar pecando...
Desse pecado de Eva
Humanamente impossível
Deixar de ser transgressor (a)

O cinismo, o moralismo,
O falso moralismo...
Ah, que horror!
Pecados MORTAIS!


Graça Campos, 21/07/2010