domingo, 8 de maio de 2016

08 de maio - Dia do artista plástico



08 de Maio - Dia do artista plástico
Expressar ideias, sentimentos e impressões, registrando-os em atividades diversificadas, é necessidade transformada em habilidade do ser humano a partir do nascimento. E desde os primórdios.
Através da sensibilidade, do desejo de expor o pensamento, os fatos, o artista desenha, pinta, grava, esculpe o que vê, o que pensa, o que sente, exterioriza se inspirando, não raro, em pormenores do quotidiano.
A arte contém mais emoção do que, provavelmente, fatos exatos, realidade em si. É detalhe de passado e presente em se delineando o futuro, o que leva a reflexões e incontáveis releituras... Existiria mostra mais autêntica de se escrever alguma história? Ou forma ou sentimento?
Creio ser o que exprime a essência , quando anteriormente, se vê apenas captação, visão do imaginário, em comunicação do eu, soma dos “eus”, da singularidade, para externar o mundo real em conexão com o invisível. Ao coletivo!
Artes e artistas são para o universo.
Em 8 de maio de 1950, oficializou-se o Dia do Artista Plástico Brasileiro por ser a data de nascimento de José Ferraz de Almeida Júnior, Itu (SP) em homenagem ao ícone das artes brasileiras, século XIX, que soube retratar com perfeição, a infância, a religião, o homem do interior e sua cultura. Dentre suas obras mais famosas estão “O Violeiro”, “Moça com Livro”, “Picando Fumo”, “Caipiras Negociando”.
Morreu assassinado dia 13 de novembro de 1899, em Piracicaba (SP).

Maria das Graças Araújo Campos, 08 de maio - Dia do artista plástico.
Graça Campos, 08/05/2016.


Lincença Criative Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-No Derivative Works 3.0 Brasil License.

Nenhum comentário:

Postar um comentário