domingo, 14 de agosto de 2016

Pai, que tanto amo!



Pai, que tanto amo!

Assim desse teu jeito incrível, guerreiro, acolhedor!
Do dia -a - dia todo prosa, reflexivo, vencedor, 
Humorista, um artista? 
De farto riso, alegria, grande coração!
Memória rica de causos,
Vida!

De tuas viagens de norte a sul, anos a fio por rodovias,
serras e pontes, trincheiras,
Desfiladeiros de teu suor,
PROVEDOR!
Pai, amoroso, zeloso incansável! 
Minucioso, ainda hoje, com teus 91, 
relembras da infância à idade adulta, 
da própria infância,e a dos filhos, 
menciona amigos de longas datas, 
conquistas do tempo!


Emociona-me ouvir o tom jovem de tua fala propícia 
nos momentos únicos, em família, 
teu amor pela vida, 
enfatizando e declamando, 
"dono de tesouros", “os filhos”, 
a verdadeira riqueza!.


E a gente ouve, orgulhoso(a), tuas palavras carinhosas, pai!
A ti, amor e gratidão, orgulho, emoção e reconhecimento 
pelo maravilhoso pai, amigo,
avô, e bisavô, 
meu querido velho Zuza!

Feliz Dia dos Pais! Te amo!

Maria das Graças Araújo Campos
Agosto/2016

Graça Campos/ 2016.








Nenhum comentário:

Postar um comentário